Exportar sua música para o iTunes a partir de Logic

If you are a Logic user you may want to audition your finished projects in iTunes, or perhaps you need to make playlists to burn and distribute. Regardless of the reason you will need a streamlined te  

Se você é um usuário Logic você pode querer fazer um teste de seus projetos terminou em iTunes, ou talvez você precisa fazer playlists para gravar e distribuir.

Independentemente do motivo pelo qual você vai precisar de uma técnica simplificada para a transferência de seu material em vários formatos entre as duas aplicações. Felizmente, Logic contém um sistema que permite que você faça exatamente isso.

Read on to learn how...

1 - Exportar seus projetos de Logic

Usuários Logic muitos já estarão familiarizados com o processo de exportação de seus projetos, mas para alguns novatos pode ser algo que ainda causa um pouco de confusão. Basicamente o que você está fazendo aqui é tornar todas as faixas ativa em seu projeto em um único arquivo.

Isto pode ser útil para saltar projetos inteiros em um arquivo estéreo para dominar ou distribuição, ou talvez você precisa saltar uma peça que tem um grande número de efeitos de processamento sobre ele. Isso pode liberar a sobrecarga da CPU e, geralmente, manter seus projetos claros e arrumado. Estes exportados "deriva" pode então ser passado para outros artistas para remixar ou ainda mais a produção.

A janela de exportação abriga um bom número de opções e permite ao usuário ajustar exatamente o que acontece com o áudio como ela é processada. Vamos dar uma olhada no formato e as

Para mais detalhes sobre as outras características na janela de diálogo Bounce e na exportação de Lógica, em geral, confira este tutorial ...

2 - Escolher o formato certo e destino

Uma vez que seu projeto está concluído e você está na janela Bounce você precisa se ​​concentrar no que o formato que você gostaria de transmitir para o iTunes. A principal decisão a tomar é se você quer usar áudio compactados ou não?

Descompactado, é claro, maior qualidade e oferece a melhor experiência de audição, mas a pagar é que os arquivos serão muito maiores em tamanho. Se você quiser ir em frente com esta opção você terá que escolher "PCM" no menu de destino. Você pode então ir em frente e escolher WAVE e AIFF, no lugar de costume para a direita.

Quando se trata de utilizar arquivos compactados você poderia ir para o formato tradicional mp3. Ainda é amplamente utilizado e faz um trabalho muito bom, mas uma escolha muito mais educado seria AAC ou M4A. Este é um formato que funciona muito bem em combinação com o iTunes e, geralmente, proporciona uma qualidade de reprodução muito superior do que mp3, com tamanhos de compressão similar.


Remember, that if you want to experiment with a few different formats you can actually choose more than one file type to export. Once you have chosen your formats be sure to tick the 'Add to iTunes library', this will ensure the results are sent straight to iTunes.

3 - Jogando seu projeto de volta no iTunes

Uma vez que todo o trabalho é feito exportar o seu eo botão de salto foi atingido, você verá uma barra de progresso e iTunes vai abrir automaticamente. A nova lista terá sido feito da chamada "lógica" e os resultados de seu salto será lá.

Lembre-se quando reproduzir o áudio no iTunes se você quiser ouvir seus resultados completamente adulterado você precisa ter certeza de que tanto o EQ interna e Som enhancer é desligado. Se você não você pode acabar pensando seu trabalho soa melhor do que ela realmente é!

Bounce mais e assista a este tutorial para todos os conceitos básicos em Lógica, de começar a acabar produzindo e exportando uma canção!

Mo has been a professional in the music industry for around 15 years. He has released material with the world's leading record labels and also produces music for TV and Film. Mo is also a prolific writer and is a regular contributor to magazines such as Music Tech, Future Music and EQ magazine. There isn't a piece of music software tha... Read More

Discussion

Ed
Hey Mo,
They really make this convenient, don't they? I love being able to bounce a tune I'm working on, email the band an m4a and have the track sync to my iphone thru iTunes so I can review and critique my work on the road.

Is there any way to add the tags (song name, artist, etc.) to an m4a when you export from Logic? I know there's a button when working with mp3s.

Thanks for the great info!

ed
Harmonik
Is it weird that I cannot make any audible difference between the mp3 192kbps and the m4a 192kbps ?
Mo Volans
Hi Ed, glad this was helpful! I'm not 100% sure on m4a met data tagging. Maybe Rounik could step in on this one?

And Harmonik... There's no doubt it's extremely subtle, you may not be able to tell the difference between the compression formats on some systems.
Harmonik
I am loving the fact it can automatically create a playlist for you in itunes. Very time saving process.

Want to join the discussion?

Create an account or login to get started!